Cerveja

0
43

Edição 273 – 01/06/18 a 30/06/18
Gourmet
Andre Pellegrino – Somelier / Amendola Salumeria

Prazer de Todas as Tonalidades

A cerveja e tão antiga quanto o vinho e a sua trajetória transformou e ajudou a construir diversas civilizações.

Nao há concordância quanto ao periodo exato em que a primeira cerveja foi elaborada, assim como o primeiro vinho, essa informação se perdeu na noite dos tempos, mas em diversos períodos, a sua importância se fez notada como alimento, lubrificante social, moeda de troca, adquirindo não somente valor comercial, mas valor social e cultural.

O curioso e que as primeiras cervejeiras eram as mulheres, cabia a elas a arte da cervejaria, nessas culturas o processo da fermentação era considerado mágico e por causa da maternidade, a mulher era associada a capacidade de transformar o cereal no líquido precioso que desde a sua origem foi artesanal, sendo apenas a partir da Idade Média, com o advento das ordens religiosas que as cervejas passaram a ser elaboradas por monges.

Nesse período se destacaram as Ordens Beneditina e Cisterciense.

No interior dos mosteiros foram criadas novas receitas, que hoje são reproduzidas, nos brindando o paladar com sutilezas e muita diversidade.

Mas a participação feminina na produção cervejeira durou ate o final do século XVIII, quando começou a industrialização e o negócio despertou o interesse econômico e a produção em larga escala com objetivo de abranger grandes mercados.

Hoje as mulheres dividem com os homens as atencões do mercado, visto serem consumidoras ativas e exigentes.

Basicamente divida em três grandes famílias, Ales, ou cervejas de alta fermentação, Lagers, ou cervejas de baixa fermentação e as curiosas Lambics ou cervejas elaboradas com leveduras selvagens e de modo expontâneo, esse rico universo se apresenta em pelo menos 120 estilos diferentes catalogados dentro dessas três famílias, temos desde as loirinhas do boteco, até refinadas Biere Bruts, passando por camadas de lúpulos, cores, aromas, maciez e doçura dos mais diversos tipos de maltes.

Na Salumeria, você irá encontrar alguns desses estilos, e as principais escolas cervejeiras, bem como a possibilidade de harmonizá-los com acompanhamentos gastronômicos, enriquecendo a sua experiência sensorial.

Se arrisque nesse universo, desbrave novos horizontes e até o próximo gole.

Saúde!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here